Estima literária – cadê?

Eu achei que teria muita coisa pra falar, mas sempre que resolvo escrever sobre alguma coisa, chego à conclusão de que com certeza alguém já fez isso antes – e provavelmente bem melhor do que eu o faria.  Aí me dá um desânimo… Sabe quando você lê um livro e se identifica tanto, que parece que o autor roubou todas as idéias de você? (Mesmo que ele tenha nascido há 200 anos, quando você era somente pó). Sinto isto constantemente, mesmo sobre assuntos a respeito dos quais apenas ouvi falar. Daí a dificuldade em fazer esse blog funcionar. Ultimamente tenho sido mais abatida por essas crises.

Sempre gostei de escrever. Tenho poemas guardados (talvez umas duas pessoas além de mim já os tenham lido), e muitas idéias e vontades sobre crônicas e coisas do tipo. Mas sofro de baixa auto-estima literária. Nas primeiras linhas acabo desistindo, e morro de vergonha de divulgar meus poemas e pensamentos… Fora que a gente vai deixando o dia-a-dia engolir a gente, e acaba sempre “empurrando” aquilo que nos dá prazer para um depois, que nem sempre chega. Vou tentar usar este blog para mudar esta situação.

O início será meio na marcha lenta, mas espero fazer este negócio pegar, nem que seja no tranco. Não acho que vai ter gente “me lendo”, porém, isso é mais um exercício para mim mesma do que um meio de divulgação. E se por acaso alguém tiver interesse em participar e me ajudar, melhor!

Tomara que os próximos posts sejam mais produtivos e interessantes…

Inté!

Kurbis

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s