Desrumos

Seguia em frente. Para onde? Não sabia. Porém, seguia.

Perdida no caminho. Que rumo tomar? E diziam que o mais importante era a caminhada, e não o destino… Pura bobagem. São indissociáveis, a jornada e o destino. Sem um, o outro perde a razão de ser. Seguir sem rumo leva apenas a lugares inúteis. Alcançar o destino sem saber qual caminho tomou, torna a conquista sem valor.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s